PROPOSTA INICIAL DE MARCO TEÓRICO SOBRE O FEMINISMO DECOLONIAL INDÍGENA NA EPT

Code: 210504746
Downloads
10
Views
37
Compartilhe
Título

PROPOSTA INICIAL DE MARCO TEÓRICO SOBRE O FEMINISMO DECOLONIAL INDÍGENA NA EPT

Autor(a):
  • Claudionor Renato da Silva

DOI
  • DOI
  • 10.37885/210504746
    Publicado em

    01/07/2021

    Páginas

    151-170

    Capítulo

    11

    Resumo

    O presente trabalho parte da seguinte problemática: admitindo-se que a EPT (Educação Profissional e Tecnológica) assegura em sua legislação que em seus cursos a inserção da cultura e da sociedade do entorno em que as IF (Institutos Federais) são instaladas, o que inclui, evidentemente, o público dos povos e nações indígenas, que relação pode ser estabelecida entre a EPT brasileira e a teoria do Feminismo Decolonial Indígena (FDI), abarcando, assim, o público de mulheres indígenas? A metodologia do Marco Teórico foi adotada para que, a partir de produções em periódicos brasileiros fossem possíveis a reflexão e a construção de uma investigação ensaística sobre o tema, na forma de uma proposta inicial. Os resultados indicam um Marco Teórico com relatos bem sucedidos sobre a presença de jovens e mulheres indígenas nos cursos da EPT dos Institutos Federais, relatos esses, subsidiados por potencial referencial do FDI. A conclusão do estudo, ainda em andamento, aponta para consolidação do Marco Teórico o que inclui aprimoramentos da teoria do FDI com protagonismo e autoria das mulheres indígenas brasileiras, o que será de grande utilidade aos estudos de gênero na Educação Sexual, bem como, aos estudos da EPT.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Marco Teórico. Feminismo Decolonial Indígena. EPT. Gênero.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar