EFEITOS DO EXERCÍCIO FÍSICO NA PREVENÇÃO E ATENUAÇÃO DOS SINTOMAS E NA REABILITAÇÃO DE INDIVÍDUOS INFECTADOS POR SARS-COV-2: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Code: 210303762
Downloads
55
Views
77
Compartilhe
Título

EFEITOS DO EXERCÍCIO FÍSICO NA PREVENÇÃO E ATENUAÇÃO DOS SINTOMAS E NA REABILITAÇÃO DE INDIVÍDUOS INFECTADOS POR SARS-COV-2: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Autores(as):
  • Bernardo Brandão Cavalcanti Gomes

  • Wenderson Ferreira de Paula

  • Filipe Dinato de Lima

DOI
  • DOI
  • 10.37885/210303762
    Publicado em

    01/05/2021

    Páginas

    260-279

    Capítulo

    22

    Resumo

    O presente estudo realiza uma revisão integrativa da literatura, analisando e sintetizando as evidências científicas mais atuais sobre os efeitos do exercício físico na regulação do sistema imunológico, visando a prevenção e atenuação da severidade dos sintomas causados pela COVID-19 e seus potenciais efeitos na reabilitação dos pacientes. Para isso, realizou-se uma busca nas bases de dados Embase, PubMed e SciELO, além de buscas manuais e nas referências dos estudos selecionados. Foram encontrados, inicialmente, 365 registros conforme os filtros aplicados. Destes, foram excluídos 308 artigos por título e duplicatas e 29 artigos após leitura na íntegra. Foram incluídos 8 artigos manualmente, totalizando 36 estudos. Após a análise das publicações, de acordo com suas evidências científicas sobre exercício físico e COVID-19, as categorias temáticas foram organizadas em: 1) efeitos do exercício físico na proteção contra doenças infectocontagiosas; 2) efeitos do exercício físico na prevenção e atenuação da severidade dos sintomas da COVID-19; e 3) efeitos do exercício físico na reabilitação de indivíduos após a cura da COVID-19. Em relação direta aos mecanismos fisiopatológicos da COVID-19, a atividade física tem potencial para reduzir a gravidade da doença, diminuindo a inflamação sistêmica, mobilizando células do sistema imunológico, aumentando a imunovigilância do indivíduo pré e pós infecção. Além disso, a atividade física atua na prevenção e atenuação dos sintomas, sendo uma opção protetora não farmacológica contra a doença, podendo acelerar a recuperação pós infecção e evitar óbitos. Por fim, a prática regular de exercícios físicos pode melhorar as respostas imunológicas à vacinação.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    COVID-19, sistema imunológico, atividade física, exercício aeróbico, treinamento de resistência.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar