AS INTERPRETAÇÕES SOBRE O DESENVOLVIMENTO PERIFÉRICO NA AMÉRICA LATINA

Code: 221010609
Downloads
5
Views
59
Compartilhe
Título

AS INTERPRETAÇÕES SOBRE O DESENVOLVIMENTO PERIFÉRICO NA AMÉRICA LATINA

Autor(a):
  • Jackson Ribeiro

DOI
  • DOI
  • 10.37885/221010609
    Publicado em

    29/12/2022

    Páginas

    517-535

    Capítulo

    35

    Resumo

    Este trabalho pretende oferecer um panorama histórico de algumas das principais vertentes teóricas que auxiliaram na reflexão sobre os problemas e os desdobramentos do desenvolvimento e subdesenvolvimento na América Latina. Nele retomamos os principais conceitos do estruturalismo desenvolvido pela CEPAL (Comissão Econômica para América Latina e Caribe), e as versões da Teoria da Dependência – tanto a versão associada quanto a versão marxista – apresentando seus fundamentos para a discussão sobre as particularidades do desenvolvimento do capitalismo latino-americano. Cronologicamente a primeira teoria a ganhar corpo foi a do desenvolvimentismo da CEPAL, inaugurada com Raúl Prebisch, em 1949. A Teoria da Dependência nasce na esteira da crise da teoria do desenvolvimento cepalino, dada a incapacidade de o capitalismo produzir experiências de desenvolvimento aliadas com bem-estar social na periferia do sistema. Revisamos os desdobramentos analíticos dessas correntes de pensamento e evidenciamos suas diferenças, com objetivo de retomar esse rico debate teórico que foi extremamente profícuo para as ciências sociais latino-americanas ao longo do século XX. O trabalho visa reverenciar o esforço genuíno e original que essas correntes de pensamento tiveram tanto na identificação das causas quanto na tentativa de superação do subdesenvolvimento latino-americano.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Cepal, Subdesenvolvimento, Teoria da Dependência, América-Latina.

    Publicado no livro

    OPEN SCIENCE RESEARCH VII

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar