UTILIZAÇÃO DE ARGAMASSA COM AGREGADO RECICLADO DE CERÂMICA VERMELHA NA RECUPERAÇÃO DE ESTRUTURAS

Code: 230312352
5
0
Título

UTILIZAÇÃO DE ARGAMASSA COM AGREGADO RECICLADO DE CERÂMICA VERMELHA NA RECUPERAÇÃO DE ESTRUTURAS

Autores(as):
  • Claudeir De Souza Santana

    SANTANA, C. S.

  • Juzélia Santos

    SANTOS, J.

DOI
10.37885/230312352
Publicado em

07/06/2023

Páginas

175-187

Capítulo

12

Resumo

O objetivo desta pesquisa é a utilização do rejeito de cerâmica vermelha de uma indústria de tijolos como argamassa para reparo de patologia de estrutura, visando sua aplicação em substituição à areia. A argamassa produzida restaura um banco confeccionado com concreto cujo assento era de agregado de cerâmica vermelha e pernas de tijolos de solo-cimento e uma laje de cobertura de concreto armado, a qual após mais de trinta anos de existência vinha apresentando manifestações patológicas no revestimento. O rejeito de cerâmica vermelha descartado no final do processo de produção, foi moído em granulometria apropriada para simular um tipo genérico de areia. Foram desenvolvidos processos de moagem e traçadas várias curvas granulométricas. Os agregados produzidos foram caracterizados desde a jazida até a moagem final de acordo com as normas da ABNT vigente, a área específica através de BET, para análise micro estrutural foi utilizado difração de Raio-X. A argamassa produzida mostrou-se adequada para a restauração proposta. Concluiu-se que a argamassa produzida com agregado reciclado de cerâmica vermelha pode ser utilizada em restauração estrutural na construção civil em substituição ao agregado natural, com benefícios de custo e ambiental.

Palavras-chave

Reciclagem, Agregado, Cerâmica vermelha, Restauração estrutural.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.