TEORIA DA OBJETIVAÇÃO: COMPREENDENDO O CONCEITO DE ATIVIDADE

Code: 210102685
62
13
Título

TEORIA DA OBJETIVAÇÃO: COMPREENDENDO O CONCEITO DE ATIVIDADE

Autores(as):
  • Anderson Minosso

    Minosso, Anderson

  • Maria Lucia Panossian

    Panossian, Maria Lucia

  • Marcelo Lambach

    Lambach, Marcelo

DOI
10.37885/210102685
Publicado em

04/02/2021

Páginas

718-733

Capítulo

46

Resumo

No transcorrer deste trabalho almeja-se apresentar de forma teórica os elementos que constituem e fundamentam o conceito de atividade como proposto na Teoria Cultural da Objetivação – TO, desenvolvida e fundamentada por Luis Radford. A TO, ancora-se na Teoria da Atividade de Alexei Leontiev para fundamentar teoricamente e epistemologicamente este conceito (atividade) que pauta-se no materialismo-dialético. Radford compreende que o professor e o estudante estão em constante atividade, ou seja, por meio do trabalho em conjunto buscam satisfazer suas necessidades, que acarretam assim a tomada de consciência dos conceitos matemáticos (processos de objetivação). Essa tomada de consciência é oriunda dos elementos da subjetividade dos sujeitos envolvidos no processo de ensino, além das suas experiências históricas e culturais, que estão em constante atualização e movimento dialético. Por fim, entende-se a TO como uma possibilidade para a Educação Matemática que rompe as barreiras das teorias individualistas e compreende o estudante e o professor como seres histórico-culturais.

Palavras-chave

Atividade. Educação Matemática. Teoria Cultural da Objetivação.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.