SAÚDE MENTAL E ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO: UM ESTUDO SOBRE OS RISCOS, COM ÊNFASE NO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS, EM UMA OFICINA DE COSTURA DO MUNICÍPIO DE JARDIM DO SERIDÓ/RN

Code: 200800853
Downloads
8
Views
13
Compartilhe
Título

SAÚDE MENTAL E ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO: UM ESTUDO SOBRE OS RISCOS, COM ÊNFASE NO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS, EM UMA OFICINA DE COSTURA DO MUNICÍPIO DE JARDIM DO SERIDÓ/RN

Autores(as):
  • Anderson Martins de Medeiros

  • Leandro Aparecido da Silva

  • Flavio Medeiros de Azevedo

  • Pablo Phorlan Pereira de Araújo

  • Salmo Batista Araújo

  • Tiago Douglas Cavalcante Carneiro

DOI
  • DOI
  • 10.37885/200800853
    Publicado em

    19/10/2020

    Páginas

    511-527

    Capítulo

    32

    Resumo

    Esta pesquisa tem enfoque na saúde mental do trabalhador, sob a perspectiva da administração, maisespecificamente da área de comportamento organizacional. O enfoque expõe, com maior relevância, os riscosproporcionados pelo ambiente como forma de alertar para a importância da promoção de saúde no trabalho. Comoproblema, aborda-se o uso de bebidas alcóolicas, colocando-se em evidência, através de pesquisa bibliográficabaseada na literatura de Dejours (2015), Dalgalarrondo (2008), Spector (2010) e Tôrres (2010). Posteriormente,pontuam-se as consequências que as organizações podem sofrer com o uso abusivo de álcool entre os seuscolaboradores. Através de coleta de dados utilizando para análise os instrumentos de pesquisa AUDIT e JSS,observou-se o sentimento de alta demanda por parte dos colaboradores, dados obtidos no JSS, e suas relações comas zonas de risco de consumo de álcool, respondidos no AUDIT. Contudo, no contexto da JK Modas (empresaobjeto do estudo), há uma pequena incidência de uso de risco, mas que é preocupante quanto aos colaboradoresque sentem baixo controle quanto às tarefas executadas, fato que cresce de acordo com a demanda psicológicapercebida. É notória, uma relação diretamente proporcional entre os indivíduos que sentem maiores demandaspsicológicas e tem menor controle sobre as tarefas com o aumento proporcional do consumo de bebidas alcóolicas.Salienta-se que as políticas de prevenção de riscos adotadas pela organização em estudo, contribuem para aminimização do problema, fato que potencializa a preocupação acerca do tema em organizações onde há omissãoquanto ao referido problema.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Comportamento organizacional; saúde mental; consumo de álcool

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar