RELAÇÃO SÓDIO/POTÁSSIO EM PRODUTOS CÁRNEOS

Code: 210203324
14
4
Título

RELAÇÃO SÓDIO/POTÁSSIO EM PRODUTOS CÁRNEOS

Autores(as):
  • Ana Paula Rebellato

    Rebellato, Ana Paula

  • Joyce Grazielle Siqueira Silva

    Silva, Joyce Grazielle Siqueira

  • Juliana Azevedo Lima Pallone

    Pallone, Juliana Azevedo Lima

DOI
10.37885/210203324
Publicado em

01/04/2021

Páginas

555-564

Capítulo

36

Resumo

O consumo excessivo de sódio está associado ao desenvolvimento de hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e renais, câncer de estômago, tornando-se fator de risco para morbimortalidade por doenças crônicas não transmissíveis. Dessa forma, reduzir seu teor tornou-se um desafio tanto para as indústrias de alimentos, quanto para os órgãos governamentais. Porém, a substituição total ou parcial do cloreto de sódio por outros sais, como o sal de potássio, é desafiadora pois alterações nas características tecnológicas, sensoriais e microbiológicas dos produtos processados podem ocorrer. Além disso, a Organização Mundial da Saúde recomenda que a relação de consumo entre sódio e potássio seja igual a 1, como base para avaliar o risco de hipertensão e doença cardiovasculares. Neste contexto, foi analisado o teor de sódio e potássio em alimentos processados, como linguiça tipo toscana e salsicha, bem como avaliado a relação sódio/ potássio nestes produtos. Os teores de sódio variaram de 653,31 a 1079,22 mg/100g e de 610,37 a 1409,67 mg/100 g para amostras de linguiça e salsicha, respectivamente. Enquanto que, os teores de potássio variaram de 234,62 a 632,59 mg/100 g para as linguiças e de 169,78 a 687,22 mg/100 g para as salsichas. A relação entre sódio/potássio demonstrou que a maioria das amostras avaliadas apresentaram razão muito maior ao recomendado (1), podendo chegar a valores de 2 a 8 vezes superiores aos considerados adequados para manutenção de uma boa saúde, o que poderia aumentar os riscos de problemas cardiovasculares.

Palavras-chave

Salsicha, Linguiça, Sódio, Potássio.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.