PERFIL DE INTERNAÇÕES EM IDOSOS OCTOGENÁRIOS: DIFERENÇAS REGIONAIS NOS ESTADOS DE SÃO PAULO E MARANHÃO NOS ANOS DE 2008 E 2018

Code: 200901307
Downloads
7
Views
31
Compartilhe
Título

PERFIL DE INTERNAÇÕES EM IDOSOS OCTOGENÁRIOS: DIFERENÇAS REGIONAIS NOS ESTADOS DE SÃO PAULO E MARANHÃO NOS ANOS DE 2008 E 2018

Autores(as):
  • Euller Reis Farias

  • Larissa Scarpini de Carvalho

  • Mariana Reis Santimaria

DOI
  • DOI
  • 10.37885/200901307
    Publicado em

    05/11/2020

    Páginas

    536-542

    Capítulo

    41

    Resumo

    A POPULAÇÃO DOS IDOSOS LONGEVOS REVELA MAIOR VULNERABILIDADE PARA DESFECHOS NEGATIVOS EM SAÚDE E GERA MAIOR DEMANDA NOS DIVERSOS NÍVEIS DE ATENÇÃO. O DELINEAMENTO DO PERFIL DE INTERNAÇÕES DA POPULAÇÃO COM MAIS DE 80 ANOS, NO BRASIL, GANHA RELEVÂNCIA À MEDIDA QUE AINDA ENCONTRAM-SE CONDIÇÕES DE SAÚDE E ACESSO AOS SERVIÇOS MARCADOS POR DESIGUALDADES SOCIAIS E MAIOR RISCO NESTE GRUPO ETÁRIO. REALIZOU-SE DESCRIÇÃO DO NÚMERO DE INTERNAÇÕES HOSPITALARES DE ACORDO COM AS VARIÁVEIS SEXO E RAÇA/COR, A MÉDIA DE PERMANÊNCIA NO HOSPITAL E VALOR MÉDIO GASTO NAS INTERNAÇÕES, NOS INDIVÍDUOS COM MAIS DE 80 ANOS, DE DOIS ESTADOS BRASILEIROS - SÃO PAULO (SP) E MARANHÃO (MA)- DÍSPARES EM CONDIÇÕES SOCIOECONÔMICAS. HOUVE MAIOR PROPORÇÃO DE INTERNAÇÕES NOS IDOSOS COM MAIS DE 80 ANOS EM SP E NO MA DE 2008 PARA 2018. IDENTIFICOU-SE MAIOR FREQUÊNCIA DE INTERNAÇÕES PARA AS MULHERES EM AMBOS OS ESTADOS E PARA INDIVÍDUOS PARDOS NO ESTADO DO MA E BRANCOS NO ESTADO DE SP, EM 2008 E 2018 . A MÉDIA DE PERMANÊNCIA NO HOSPITAL MOSTROU-SE A MESMA EM SP E MAIOR NO MA, NO PERÍODO ANALISADO. A MÉDIA DE GASTOS COM INTERNAÇÃO NO MA FOI DE R$ 721,41 E EM SP DE R$ 1193,24. OS ACHADOS DO ESTUDO CHAMAM A ATENÇÃO PARA AS CARACTERÍSTICAS DOS IDOSOS OCTOGENÁRIOS, NO QUE TANGE O PERFIL DE INTERNAÇÃO, E PERMITEM A REFLEXÃO SOBRE DESIGUALDADES SOCIAIS EM SAÚDE E AS REPERCUSSÕES NEGATIVAS DESTE DESFECHO PARA O GOZO DO ENVELHECIMENTO INDEPENDENTE E AUTÔNOMO.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    IDOSOS , INTERNAÇÃO HOSPITALAR , DESIGUALDADE EM SAÚDE

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar