PEQUI (CARYOCAR BRASILIENSE CAMB.) – UMA REVISÃO

Code: 201102210
41
6
Título

PEQUI (CARYOCAR BRASILIENSE CAMB.) – UMA REVISÃO

Autores(as):
  • Noadia Genuario Barroso

    Barroso, Noadia Genuario

  • Eulália Lopes da Silva Barros

    Barros, Eulália Lopes da Silva

  • Márcio Augusto Ribeiro Sanches

    Sanches, Márcio Augusto Ribeiro

  • Callebe Camelo-Silva

    Camelo-Silva, Callebe

  • Silvani Verruck

    Verruck, Silvani

  • Loyse Tussolini

    Tussolini, Loyse

DOI
10.37885/201102210
Publicado em

19/12/2020

Páginas

336-344

Capítulo

23

Resumo

Pequi (Caryocar brasiliense Camb.) é uma fruta nativa do Brasil e pode ser encontrada nas regiões da Amazônia, Caatinga, Cerrado e Mata Atlântica. É rica em compostos fenólicos e carotenoides e por isso possui alta capacidade antioxidante. O óleo presente na polpa e na amêndoa possui alto teor lipídico e é composto majoritariamente por ácidos graxos monoinsaturados (ácido oleico - 55 % (óleo da polpa) e 42 % (óleo da amêndoa)). A polpa da fruta é utilizada na preparação de sucos, sorvetes, licores, doces e principalmente nos pratos tradicionais brasileiros. A amêndoa pode ser consumida fresca ou usada para a preparação de bolos e condimentos. A casca, que é formada pelo exocarpo e o mesocarpo externo, é rica em fibra alimentar e normalmente é utilizada para produzir farinha. Essa farinha pode ser usada na preparação de produtos de panificação. Da casca também é retirada a pectina para a produção de geleias. Pesquisas in vivo revelam que o pequi está relacionado à prevenção de doenças cardiovasculares, relacionadas ao estresse oxidativo e câncer, tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Além de ter potencial para a indústria alimentícia, também pode ser usado na fabricação de produtos farmacêuticos (devido ao caráter antimicrobiano) e cosméticos (sabonetes e cremes). Assim, por ser uma fruta nutritiva e rica em compostos bioativos traz muitos benefícios ao ser consumida, além de grande potencial no desenvolvimento de novos produtos.

Palavras-chave

óleo de pequi, fruta brasileira; prevenção de doenças crônicas; antioxidante; compostos bioativos

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.