LUDICIDADE COMO FORMA DE APROXIMAÇÃO E SOCIALIZAÇÃO COM IDOSAS INSTITUCIONALIZADAS

Code: 220910095
9
0
Título

LUDICIDADE COMO FORMA DE APROXIMAÇÃO E SOCIALIZAÇÃO COM IDOSAS INSTITUCIONALIZADAS

Autores(as):
  • Adriana Barni Truccolo

    Truccolo, Adriana Barni

  • Sílvia Letícia Ventura dos Anjos

    Anjos, Sílvia Letícia Ventura dos

DOI
10.37885/220910095
Publicado em

01/11/2022

Páginas

2131-2140

Capítulo

146

Publicado no livro

OPEN SCIENCE RESEARCH VI

Resumo

O processo de institucionalização da pessoa idosa é fator de estresse, propiciando inúmeras alterações a nível psicossocial, ainda que o ambiente institucional tente oferecer uma base segura e adaptar-se tanto às suas necessidades físicas quanto emocionais, comprometendo, assim, a sua qualidade de vida. O objetivo da presente ação foi o de resgatar o papel da idosa como depositária de conhecimento e sabedoria adquiridos ao longo de sua existência, através da escuta de suas histórias de vida. Atividade de ensino, pesquisa e extensão com abordagem qualitativa, descritiva com relação aos objetivos, de campo com relação ao ambiente onde foi realizada e aplicada com relação à natureza. A população de idosas foi composta por 87 idosas com idade entre 60 anos e 101 anos de idade. Dessas, 34 participaram do projeto de extensão, visto as outras idosas estarem acamadas ou não e comunicam verbalmente. O local de intervenção foi uma instituição de longa permanência para idosos (ILPIs) localizada no município de Alegrete, RS. As atividades foram realizadas uma vez por semana, no turno da tarde pela bolsista de iniciação científica. Como mencionado acima, o objetivo inicial do projeto era escutar as histórias de vida das idosas e nos deparamos com uma grande resistência delas em comentarem sobre suas vidas antes da ida para a ILPI. Dessa forma, encontramos no desenho, em atividades lúdicas, jogos, dança, escutar músicas de décadas passadas, uma excelente ponte de comunicação com as “Vovós”. Os resultados se mostraram positivos, tanto que a instituição nos fez convite para que continuássemos o trabalho lá realizado no próximo ano. Concluímos que as atividades que as “vovós” mais tiveram alegria de participar foram desenho e escutar música. O convívio Inter geracional entre a bolsista e as idosas propiciou a ampliação do papel social da Uergs, proporcionando à acadêmica do curso de Pedagogia a oportunidade de desenvolver estratégias de integração na ILPI.

Palavras-chave

Pessoa Idosa, Instituição de Longa Permanência para Idosos, Socialização.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.