INFECÇÃO DO SÍTIO CIRÚRGICO POR MICRORGANISMOS PATOGÊNICOS NA CLÍNICA CIRÚRGICA DE PEQUENOS ANIMAIS

Code: 230412659
Downloads
33
Views
41
Compartilhe
Título

INFECÇÃO DO SÍTIO CIRÚRGICO POR MICRORGANISMOS PATOGÊNICOS NA CLÍNICA CIRÚRGICA DE PEQUENOS ANIMAIS

Autores(as):
  • Sabrina Cândido Trajano

  • José Alexandre Melo Dos Santos

  • José Carlos Ferreira Da Silva

  • Breno Bezerra Aragão

DOI
  • DOI
  • 10.37885/230412659
    Publicado em

    29/04/2023

    Páginas

    56-67

    Capítulo

    4

    Resumo

    As infecções do sítio cirúrgico (ISC) ainda estão entre as principais causas de morbidade e mortalidade de pacientes no pós-operatório. Devido à importância da infecção do sítio cirúrgico em pequenos animais, objetivou-se com esta revisão de literatura evidenciar os aspectos gerais e fatores associados a ISC, além dos microrganismos envolvidos e sua resistência aos antimicrobianos. A ISC muitas vezes pode estar associada ao tipo de procedimento cirúrgico, por isto é importante a classificação e cuidados para cada tipo de cirurgia (limpa, potencialmente contaminada e contaminada) que será realizada. Os fatores intrínsecos e extrínsecos também devem ser avaliados, uma vez que cirurgias contaminadas e longas em animais imunodeficientes ou que não receberam antibioticoprofilaxia, podem se tornar mais susceptíveis aos processos de ISC. Diversos microrganismos podem causar ISC, entretanto, os gêneros bacterianos mais frequentes são: Staphylococcus, Escherichia, Enterococcus, Bacillus, Shigella, Citrobacter, Proteus, Morganella, Serratia, Enterobacter, Pseudomonas e Klebsiella. Destes gêneros, Staphylococcus se destaca, principalmente as espécies Staphylococcus aureus e S. pseudintermedius resistentes à meticilina, que são consideradas mundialmente espécies de grande risco a saúde humana e animal. Portanto, é de extrema importância estabelecer o conhecimento epidemiológico dos microrganismos envolvidos em casos de ISC, bem como, realizar o seu monitoramento em relação a sua frequência e resistência antimicrobiana, garantindo a promoção da saúde para os animais submetidos a procedimentos cirúrgicos.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Cirurgia em pequenos animais, Infecção hospitalar, Resistência antimicrobiana.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar