INANA E SUAS BRIGAS DIVINAS: COMO UMA DEUSA FICOU VÍTIMA DO IMPERIALISMO E PATRIARCALISMO

Code: 231014696
Downloads
11
Views
75
Compartilhe
Título

INANA E SUAS BRIGAS DIVINAS: COMO UMA DEUSA FICOU VÍTIMA DO IMPERIALISMO E PATRIARCALISMO

Autor(a):
  • Monika Ottermann

DOI
  • DOI
  • 10.37885/231014696
    Publicado em

    30/11/2023

    Páginas

    73-89

    Capítulo

    5

    Resumo

    Inana foi a deusa mais importante e mais popular da Suméria, que predominou, sob o nome de Ištar, também nos panteões mesopotâmicos posteriores. A partir do império de Sargão aumentam os conflitos em torno de sua figura e cresce a patriarcalização da mesma. O artigo discute esses aspectos e conflitos, enfocando tradições de Inana como Senhora da Eana, dos Me e de Kur, com especial atenção para os mitos “Inana e a Eana”, “Inana e os Me” e “Inana e o Inframundo”. Mostra que o mito “Inana e a Eana” é o resultado de manipulações para legitimar o culto de An nesse templo de Inana, que “Inana e os Me” reflete atitudes de resistência contra tentativas de seu desapoderamento, e que “Inana e o Inframundo” é composto de mitos diferentes que evidenciam vários conflitos relacionados com funções e poderes de Inana. Desse modo evidencia-se que os conflitos em torno de Inana refletem repressões e resistências humanas no âmbito de uma sociedade kiriarcal e da crescente patriarcalização de sua religião. Embora a atuação política e religiosa de mulheres em sociedades de hoje não necessite de legitimações a partir de exemplos provenientes de religiões antigas, a reconstrução e memória feministas de tais exemplos podem servir de estímulo para tal atuação quando buscam construir uma outra imagem do divino e quando lutam por um mundo de igualdade em direitos e dignidade para todas as pessoas.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Inana, Deusa, Suméria, Imperialismo, Patriarcalismo, Feminismo.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar