HISTERECTOMIA PÓS-PARTO DE EMERGÊNCIA EM MATERNIDADE PÚBLICA DE CUIDADOS DE ALTO RISCO NO ESTADO DO AMAZONAS: HISTERECTOMIA PÓS-PARTO DE EMERGÊNCIA EM MATERNIDADE DO AMAZONAS BRASIL

Code: 210906073
16
4
Título

HISTERECTOMIA PÓS-PARTO DE EMERGÊNCIA EM MATERNIDADE PÚBLICA DE CUIDADOS DE ALTO RISCO NO ESTADO DO AMAZONAS: HISTERECTOMIA PÓS-PARTO DE EMERGÊNCIA EM MATERNIDADE DO AMAZONAS BRASIL

Autores(as):
  • Lucas Simas de Souza

    Souza, Lucas Simas de

  • Andréia Ferreira de Souza

    Souza, Andréia Ferreira de

DOI
10.37885/210906073
Publicado em

01/12/2021

Páginas

325-338

Capítulo

24

Resumo

Objetivo: Determinar a incidência, indicações, fatores de risco e complicações associadas com histerectomia pós-parto de emergência (HPPE) em maternidade pública de cuidados de alto risco no Estado do Amazonas. Métodos: O estudo foi do tipo descritivo, observacional, corte transversal, por meio de prontuários médicos e de livros de registros de cirurgias. Foram identificados os casos de histerectomias pós-parto de emergência realizadas no período de janeiro de 2016 a dezembro de 2017. Os dados foram coletados no Hospital Escola Maternidade da cidade de Manaus-Amazonas. Resultados: No período de 2016 a 2017, houve 16.978 partos na maior Maternidade da cidade de Manaus, 6.873 (40,5%) corresponderam a cesarianas e 10.105 (59,5%) a partos vaginais. Ocorreram 14 casos de histerectomia pós-parto de emergência, representando uma incidência de 0,82\1.000 partos; a indicação mais comum foi atonia uterina 50%, seguida de acretismo placentário 29% e placenta prévia 21%. Conclusão: A atonia uterina foi a indicação mais comum de HPPE na Maternidade e as taxas de histerectomia após partos cesarianos mostraram-se nove vezes maiores àquelas do parto vaginal, logo vemos a importância da adoção de práticas obstétricas de incentivo ao parto vaginal, especialmente após o primeiro parto cesariano, o que poderia minimizar riscos para o parto atual e consequentemente diminuir taxas de HPPE.

Palavras-chave

Hemorragia pós-parto, Histerectomia pós-parto, Gravidez, Puerpério.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.