EXPOSIÇÃO A AGROTÓXICOS E ANOMALIAS CONGÊNITAS

Code: 220408718
Downloads
31
Views
31
Compartilhe
Título

EXPOSIÇÃO A AGROTÓXICOS E ANOMALIAS CONGÊNITAS

Autores(as):
  • Valdemir Pereira De Sousa

  • Iara Almeida Pinto

  • Aline Ximenes Fragoso

  • Iris Moreira Da Silva

  • Fabiano Novaes Barcellos Filho

  • Bruno Guimarães Marcarini

  • Nohanna Dutra Da Silva

  • Lara Imbroisi Errera

  • Maria Do Carmo Souza Rodrigues

  • Flávia Imbroisi Valle Errera

DOI
  • DOI
  • 10.37885/220408718
    Publicado em

    31/05/2022

    Páginas

    100-117

    Capítulo

    8

    Resumo

    As anomalias congênitas (AC) representam uma das principais causas de morte fetal, mortalidade e morbidade infantil e incapacidade em longo prazo. As ACs têm sido cada vez mais investigadas no mundo e, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 300.000 recém-nascidos com AC morrem nos primeiros 28 dias de vida. No Brasil, AC são a segunda causa de mortalidade infantil, representando um importante problema de saúde pública, indicando portanto, que uma estratégia eficaz de prevenção primária deve ser uma prioridade para as políticas públicas e para o sistema de saúde. Quanto à etiologia, embora em muitos casos a causa ainda seja desconhecida, a maioria é predominantemente multifatorial, causada por interações complexas e pouco conhecidas entre genes e ambiente, as quais modificam o desenvolvimento embrionário normal, principalmente durante a fase de organogênese. Nesse contexto, a exposição parental a agrotóxicos é um dos principais fatores ambientais modificáveis associados ao aumento no risco de AC, e precisa ser mais estudada. No Brasil, a recente autorização da ampliação da lista de agrotóxicos reconhecidos como perigosos liberados para uso se caracteriza como um desafio enorme com repercussões à curto, médio e longo prazo graves tanto para o meio ambiente quanto para saúde humana. Assim, esse capítulo tem o objetivo de produzir uma atualização das evidências sobre a associação entre AC e exposição a agrotóxicos, bem como verificar se há associação específica entre tipo de AC ou região anatômica e o tipo de agrotóxico.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Anomalias congênitas. Malformações congênitas. Defeitos congÊnitos. Agrotóxicos. Pesticidas.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar