ESTUDO SOBRE A HIPÓTESE DE FRAGILIDADE FINANCEIRA DE HYMAN MINSKY APLICADA AO ESTADO DE MINAS GERAIS NO PERÍODO 2008-2018

Code: 220709444
Downloads
3
Views
21
Compartilhe
Título

ESTUDO SOBRE A HIPÓTESE DE FRAGILIDADE FINANCEIRA DE HYMAN MINSKY APLICADA AO ESTADO DE MINAS GERAIS NO PERÍODO 2008-2018

Autores(as):
  • Cláudio Roberto Caríssimo

  • Rogério César Corgosinho

  • Antônio Carlos Dos Santos

DOI
  • DOI
  • 10.37885/220709444
    Publicado em

    01/10/2022

    Páginas

    280-299

    Capítulo

    17

    Resumo

    O objetivo deste trabalho foi aplicar os conceitos da Hipótese de Fragilidade Financeira para as contas públicas do Estado de Minas Gerais no período de 2008 a 2018. Conforme a Hipótese de Fragilidade Financeira (HFF) apresentada por Minsky, a forma como são previstos e realizados fluxos futuros de receitas esperadas e, em contraponto, as despesas, revela como resultado posições financeiras de suficiência, moderada restrição ou completa insuficiência, nomeadas por hedge, especulativae ponzi, respectivamente. Os estudos sobre a HFF também são adaptáveis para testar a fragilidade das finanças públicas, isto é, a capacidade de um governo de sustentar suas dívidas e demais despesas. A base de dados foi o Balanço Orçamentário. Foi apurada posição de financiamento ponzi para o Estado nos anos de 2011 a 2017, e especulativa para os anos de 2009, 2010 e 2018. Considera-se pertinente a utilização dos estudos sobre a Hipótese de Fragilidade Financeira quando aplicados ao setorpúblico, podendo ser instrumento de análises complementares sobre a fragilidade financeira de entes governamentais, reforçando, assim, seu conteúdo teórico e empírico.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Fragilidade financeira. Minsky. Setor público. Minas Gerais.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar