ESTRATÉGIAS DE MANEJO E DESEMPENHO REPRODUTIVO EM BOVINOS DE CORTE

Code: 231014833
Downloads
18
Views
22
Compartilhe
Título

ESTRATÉGIAS DE MANEJO E DESEMPENHO REPRODUTIVO EM BOVINOS DE CORTE

Autores(as):
  • Marlon Nardi Molon

  • Mônica Bertoncelli

  • Thaís Vasconcelos De Almeida Alves

  • Camila Keterine Gorzelanski Trenkel

  • Adalgiza Pinto Neto

  • Jonatas Cattelam

DOI
  • DOI
  • 10.37885/231014833
    Publicado em

    30/12/2023

    Páginas

    79-100

    Capítulo

    5

    Resumo

    O Brasil é reconhecido por possuir o maior rebanho comercial de bovinos de corte e liderar o mercado global de exportação de carne bovina. Apesar dessa posição de destaque, a produtividade dos rebanhos brasileiros ainda não atingiu seu potencial máximo. De maneira geral, a pecuária de corte no Brasil ocorre em sistemas extensivos de produção, que resulta em índices produtivos relativamente baixos, sobretudo no que se refere ao desempenho reprodutivo do rebanho de cria. Nos últimos anos, foram exploradas diversas alternativas para elevar a taxa reprodutiva das fêmeas bovinas de corte. Estas técnicas incluem práticas como o desmame precoce de bezerros (entre 60 e 90 dias de idade), melhorias nos níveis nutricionais das vacas por meio do uso de suplementação ou pastagens cultivadas e/ou melhoradas. Outras estratégias envolvem a redução da idade ao primeiro entoure e a aplicação de protocolos hormonais para antecipar e concentrar a estação de parição. Nesse contexto, o presente estudo tem como objetivo realizar uma revisão dos fatores que influenciam a eficiência reprodutiva em bovinos de corte.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    desmame precoce, grupo genético, idade da vaca, nível nutricional, Taxa de gestação.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar