EFICÁCIA CLÍNICA E PRÁTICA BASEADA EM EVIDÊNCIAS: AVALIAÇÃO DE ATITUDES, COMPETÊNCIAS E PRÁTICAS

Code: 210303903
50
25
Título

EFICÁCIA CLÍNICA E PRÁTICA BASEADA EM EVIDÊNCIAS: AVALIAÇÃO DE ATITUDES, COMPETÊNCIAS E PRÁTICAS

Autor(a):
  • Rui Pedro Gomes Pereira

    Pereira, Rui Pedro Gomes

DOI
10.37885/210303903
Publicado em

01/05/2021

Páginas

15-35

Capítulo

1

Resumo

Objetivo: A prestação de cuidados de saúde baseados na evidência é um imperativo das sociedades modernas e enquadra-se num contexto de desafios clínicos de maior complexidade exigindo respostas com maior qualidade e elevada segurança, num quadro de significativas restrições de recursos, implicando níveis superiores de eficácia, eficiência e efetividade nas intervenções. Neste âmbito é essencial avaliar atitudes, competências, e práticas por parte dos enfermeiros relativamente a uma prática baseada na evidência (PBE). Métodos: Desenvolveu-se um estudo de cariz observacional, transversal do tipo descritivo-correlacional junto de 388 enfermeiros do norte de Portugal com base na versão portuguesa do Questionário de Eficácia Clínica e Prática Baseada em Evidências (QECPBE-20). Resultados: O QECPBE-20 reportou que a PBE é essencial à prática profissional. No domínio dos conhecimentos e capacidades as maiores dificuldades estão em converter as necessidades de informação numa pergunta de investigação sobretudo em comparação com a conversão das necessidades de informação numa pergunta de investigação clinicamente relevante. Quanto às práticas, predomina a partilha de informação com colegas em oposição à apreciação crítica da literatura. Considerações finais: Os achados demonstram que entre a valorização de uma PBE e a sua aplicabilidade encontramos um hiato considerável. É necessário maior apoio aos profissionais e estímulo organizacional, promovendo a PBE enquanto cultura institucional. Preconizamos maior interligação entre contextos do exercício e a academia, entre produtores e utilizadores do conhecimento. Aos profissionais requer-se maior capacitação para a utilização da investigação e um permanente questionamento das suas práticas clínicas.

Palavras-chave

Enfermagem baseada na evidência, Prática clínica baseada em evidências, Avaliação da pesquisa em saúde

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.