DISCURSOS DE ÓDIO DE GÊNERO E SUBJETIVAÇÃO: ARTICULAÇÕES ENTRE MASCULINISMO E EXTREMA-DIREITA

Code: 220709519
73
3
Título

DISCURSOS DE ÓDIO DE GÊNERO E SUBJETIVAÇÃO: ARTICULAÇÕES ENTRE MASCULINISMO E EXTREMA-DIREITA

Autores(as):
  • Bruna Amato

    Amato, Bruna

  • Jéssica Janine Bernhardt Fuchs

    Fuchs, Jéssica J. B.

DOI
10.37885/220709519
Publicado em

27/08/2022

Páginas

77-92

Capítulo

6

Resumo

Objetivo: Discutir a produção e fomentação de determinados discursos de ódio de gênero no contexto brasileiro, levando em conta os marcos políticos da última década, que culminou no bolsonarismo e na ascensão de um governo de extrema-direita. Sabendo da capilarização dos fascismos e suas diferentes articulações e formas de expressão, optamos por focar nos discursos dos chamados grupos masculinistas, que se articulam especialmente na esfera online por meio de retóricas misóginas e de aniquilação das diferenças. Métodos: A discussão foi feita a partir da análise desses discursos e suas relações com os modos de subjetivação contemporâneos e com o contexto social, histórico e político que lhes dão sustentação. Resultados: Contrariamente à ideia de que tais grupos constituam uma manifestação isolada de violência, foi possível identificar suas articulações e aproximações com os discursos e práticas do atual governo e a defesa de um determinado projeto de sociedade, ancorados em ideais de masculinidade e na defesa de um território cisheteronormativo. Conclusão: Procurou-se mostrar como esses discursos, portanto, fazem parte de um modo de produção de subjetividade neoliberal e neofascista, que encontra eco e se (re)produz nas relações sociais, no cotidiano e nas instituições, bem como a importância dessa compreensão para o campo da psicologia.

Palavras-chave

Masculinismo, Discurso de ódio, Neofascismo, Neoliberalismo, Misoginia.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.