CONSUMO ALIMENTAR DE ULTRAPROCESSADOS DA PRIMEIRA INFÂNCIA AO ENVELHECIMENTO EM TEÓFILO OTONI-MG

Code: 200700595
Downloads
21
Views
28
Compartilhe
Título

CONSUMO ALIMENTAR DE ULTRAPROCESSADOS DA PRIMEIRA INFÂNCIA AO ENVELHECIMENTO EM TEÓFILO OTONI-MG

Autores(as):
  • Priscilla Vilela dos Santos

  • Caio Cesar de Souza Alves

  • Alessandra de Paula Carli

  • Matheus Guimarães Laube

  • Milena Franco da Silva

  • Isabele das Virgens Dutra

  • Higor Franco da Silva

  • Larissa Pereira Amorim

  • Maria Edna Souza Cândido

  • Ana Carla Amorim Lima

DOI
  • DOI
  • 10.37885/200700595
    Publicado em

    19/09/2020

    Páginas

    23-44

    Capítulo

    2

    Resumo

    O processo de envelhecimento humano ocorre continuamente, podendo ser influenciado pelos fatores genéticos e fatores ambientais, como alimentação e estilo de vida. As principais causas das comorbidades estão associadas à alimentação inadequada e ao sedentarismo. O estado nutricional ideal durante as fases da vida pode ser um fator determinante da longevidade com qualidade de vida. O objetivo da pesquisa é identificar o consumo alimentar e o EN da população de um município do interior de Minas Gerais, da primeira infância ao envelhecimento. Foram identificados o EN, através do IMC, a frequência alimentar de distintas faixas etárias, através de um estudo transversal, com entrevista individual domiciliar e a aplicação de questionário de frequência do consumo alimentar de indivíduos saudáveis, de ambos os gêneros, com idade entre 0 a 85 anos moradores e nascidos no município mineiro. A amostra foi composta por 417 indivíduos, com a prevalência de mulheres, de solteiros, de cor parda, o grau de escolaridade ensino fundamental incompleto e como atividade principal estudantes. A eutrofia foi evidenciada em quase todas as faixas etárias dos voluntários da pesquisa. O sobrepeso é o EN destaque entre as mulheres adultas. E no grupo dos idosos, prevaleceu o baixo peso nos dois gêneros. Sobre o consumo alimentar, não são todas as crianças de até 6 meses de idade que recebem aleitamento materno exclusivo. A junção do arroz e feijão é responsável pela prevalência da ingestão de carboidratos e proteínas da dieta diariamente em quase todas as idades. A castanha é o alimento que apresenta uma menor ingestão, assim como o azeite. Quase toda a população estudada possui o hábito de ingerir café adoçado mais de duas vezes por dia. É bastante frequente o consumo de bebidas açucaradas, assim como os biscoitos salgados e doces, enlatados e embutidos. É importante que haja outros estudos para acompanhar o desenvolvimento da população, através da conscientização da qualidade alimentar e a aplicação de políticas públicas em saúde.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Consumo alimentar. Ultraprocessados. Envelhecimento. Estado nutricional. Obesidade.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar