COMPARAÇÃO ENTRE AS NOTIFICAÇÕES BRASILEIRAS DE ACIDENTES COM ANIMAIS PEÇONHENTOS NOS PERÍODOS PRÉ-PANDEMIA E PANDÊMICO DE COVID-19 (2017-2022)

Code: 231215210
Downloads
8
Views
43
Compartilhe
Título

COMPARAÇÃO ENTRE AS NOTIFICAÇÕES BRASILEIRAS DE ACIDENTES COM ANIMAIS PEÇONHENTOS NOS PERÍODOS PRÉ-PANDEMIA E PANDÊMICO DE COVID-19 (2017-2022)

Autores(as):
  • Vinícius José De Oliveira

  • Denilson Silva Vieira

  • Gabriella Dinair Mendonça De Assis

  • Fernanda Vianna Borges

  • Maria Vitória Gilvan Da Silva

  • Eduardo Henrique Pereira

  • Matheus Henrique Silva Sampaio

  • Douglas Alves Pereira

  • César Augusto França Abrahão

  • João Paulo Martins Do Carmo

DOI
  • DOI
  • 10.37885/231215210
    Publicado em

    30/03/2024

    Páginas

    43-58

    Capítulo

    3

    Resumo

    Objetivo: Apresentar um levantamento epidemiológico sobre os principais acidentes envolvendo animais peçonhentos no Brasil durante o período de 2017 a 2022. Metodologia: Trata-se de um estudo epidemiológico transversal, ecológico, descritivo e de caráter quantitativo. Sua temática envolve as notificações de acidentes por animais peçonhentos no Brasil durante o período de 2017 a 2022. Os dados foram coletados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) e os elementos estudados foram estratificados de acordo com informações disponíveis nos formulários de notificação. A análise estatística foi realizada pelo GraphPad Prism. Resultados: Durante o período estudado foram notificados 1.568.345 casos relacionados a espécies de cobras, escorpiões, aranhas, abelhas e lagartas venenosas. A região Sudeste se destacou por apresentar a maior incidência de incidentes, sendo que o perfil das vítimas brasileiras era caracterizado por indivíduos do sexo masculino, de etnia parda, situados na faixa etária entre 20 e 39 anos e com educação de nível médio concluída. Conclusão: É fundamental enfatizar que estratégias de vigilância epidemiológica podem influenciar nas medidas de promoção, prevenção e atendimento de saúde apropriadas para cada tipo de incidente, mesmo diante de momentos de pandemia como a vivida entre 2020 e 2022.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Animais Venenosos; Epidemiologia; Sistemas de Informação; Vigilância Epidemiológica.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar