CASAMENTO E UNIÃO ESTÁVEL: UM ESTUDO COMPARATIVO

Code: 230111873
16
0
Título

CASAMENTO E UNIÃO ESTÁVEL: UM ESTUDO COMPARATIVO

Autor(a):
  • Jennifer Kissia Diniz

    Diniz, Jennifer Kissia Oliveira

DOI
10.37885/230111873
Publicado em

01/03/2023

Páginas

1309-1322

Capítulo

94

Publicado no livro

OPEN SCIENCE RESEARCH X

Resumo

A diversidade familiar é oriunda das modificações ocorridas ao longo dos anos, o que impossibilita fazer uma conceituação única que contemple todas as entidades familiares existentes, entretanto, isto faz com que se tenha necessidade de atualizações na legislação brasileira. Nesse sentido, o tema central deste trabalho, ambos pertencentes ao Direito de Família, diz respeito a dois tipos de contratos entre duas pessoas com vínculo conjugal: casamento e união estável. Tendo como principal objetivo apresentar um estudo comparativo, de dimensão descritiva, das semelhanças e diferenças entre contrato de casamento e união estável, em relação aos seguintes pontos: conceito, requisitos, impedimentos, regimes de bens, dissolução do vínculo conjugal, direitos e deveres. A metodologia empregada foi à pesquisa tipo descritiva com abordagem qualitativa, cujas técnicas são: bibliográfica, doutrinária e jurisprudencial. Concluiu-se que é recente e ainda há uma lacuna na legislação brasileira para certos aspectos da união estável, de modo que nesta ausência procede-se de forma semelhante ao que ocorreria no casamento.

Palavras-chave

Direito de Família, Casamento, União estável.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.