CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA E ANÁLISE DE ESPECTROMETRIA DE MASSAS COM IONIZAÇÃO POR PAPER SPRAY EM ACESSOS DE CAMBUIZEIROS

Code: 220308003
Downloads
28
Views
42
Compartilhe
Título

CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA E ANÁLISE DE ESPECTROMETRIA DE MASSAS COM IONIZAÇÃO POR PAPER SPRAY EM ACESSOS DE CAMBUIZEIROS

Autores(as):
  • Yesenia Mendoza García

  • Ana Luiza Coeli Cruz Ramos

  • Afonso Henrique De Oliveira Júnior,

  • Amauri Geraldo De Souza

  • Ana Cardoso Clemente Filha Ferreira De Paula

  • Angelita Cristine De Melo

  • Bruna Vieira Nunes

  • Carla Mariele Silva Ribeiro

  • Eric Marsalha Garcia

  • Hosane Aparecida Taroco

  • Henrique De Oliveira Prata Mendonça

  • Lucas Victor Ribeiro

  • Luisa Del Carmen Barrett Reina

  • Jéssica Da Silva Dias

  • Maria Luísa Oliveira Ferreira Melo

  • Moacir Alves Andrino

  • Mauro Ramalho Silva

  • Rodinei Augusti

  • Eurico Eduardo Pinto De Lemos

  • Júlio Onésio Ferreira Melo

DOI
  • DOI
  • 10.37885/220308003
    Publicado em

    02/04/2022

    Páginas

    42-71

    Capítulo

    2

    Resumo

    Myrciaria floribunda também conhecida como cambuizeiro, é uma árvore nativa da Mata Atlântica brasileira e seus frutos apresentam potencial para o uso comercial. Este estudo objetivou avaliar o teor de compostos fenólicos totais e determinar o perfil fitoquímico dos frutos de cambuizeiros. Os frutos foram colhidos do Banco Ativo de Germoplasma de Cambuí, pertencente ao Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Alagoas, Rio Largo-AL. Foram analisadas as características físicas, químicas e conteúdo de compostos fenólicos. A caracterização do perfil químico foi realizada por meio do Paper Spray. Os resultados mostraram que os frutos tiveram peso médio de 0,86 g. Os acessos AC132 e AC156 destacaram-se por apresentar frutos com maior tamanho, enquanto o AC137 apresentou maior firmeza (5,93 N) e AC160 teve maior teor de conteúdo de fenóis totais (279,01±11,11). Portanto, os frutos de coloração laranja se destacaram, pois apresentaram os maiores valores quanto aos parâmetros avaliados, com exceção do acesso AC160 que se destacou no conteúdo de fenólicos totais. Quanto ao perfil químico dos frutos, identificaram-se 32 compostos no modo de ionização positivo e 42 compostos no modo de ionização negativo. Podemos destacar os flavonóides como principais constituintes dos frutos do cambuí especialmente a miricitrina, quercitrina e catequina. Estes compostos foram relatados anteriormente com propriedades antioxidantes e antimicrobianas, além de outros benefícios que proporcionam a saúde. Os resultados encontrados no presente estudo demonstram o potencial que os fruto do cambuí possuem para seu aproveitamento na sua totalidade.

    Ler mais...
    Palavras-chave

    Myrciaria floribunda, Frutos nativos, Caracterização físico-química, Compostos fenólicos, Flavonoides, Atividade antioxidante.

    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar