ANÁLISE FÍSICO-QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DO MEL DE ABELHAS AFRICANIZADAS (APIS MELLIFERA)

Code: 200700677
43
9
Título

ANÁLISE FÍSICO-QUÍMICA E MICROBIOLÓGICA DO MEL DE ABELHAS AFRICANIZADAS (APIS MELLIFERA)

Autores(as):
  • Bruna Mie Okaneku

    Okaneku, Bruna Mie

  • Antônia Queiroz Lima de Souza

    Souza, Antônia Queiroz Lima de

  • Daiane Lavareda Araújo

    Araújo, Daiane Lavareda

  • Thalita Caroline Lima Alves

    Alves, Thalita Caroline Lima

  • Dilson Nazareno Pereira Cardoso

    Cardoso, Dilson Nazareno Pereira

  • Wenderson Gomes dos Santos

    Santos, Wenderson Gomes dos

DOI
10.37885/200700677
Publicado em

19/09/2020

Páginas

85-95

Capítulo

7

Resumo

O mel é um produto de fácil acesso amplamente consumido pela população, devido ao seu status de remédio natural e alta teor de doçura. É um alimento produzido naturalmente e necessita de manipulação para extrair e embalar, mas esses fatores, incluindo microrganismos, reações enzimáticas e agentes físicos podem alterar a qualidade do mel, tornando-o inseguro para o consumo humano. Visto isso, realizou-se a caracterização físico-química e microbiológica do mel proveniente da abelha Apis mellifera africanizada comercializada na feira AGROUFAM (Manaus, AM), a fim de verificar se os parâmetros analisados do produto estavam de acordo com a legislação brasileira (Instrução Normativa nº 11, de novembro de 2000). Foram adquiridas 3 amostras a partir do mel comercializado na feira, nos meses de outubro/2018 (amostra A), fevereiro/2019 (amostra B) e maio/2019 (amostra C). As análises seguiram as metodologias do Instituto Adolfo Lutz, da Association of Analytical Chemistry (AOAC) e da Instrução Normativa nº 62, de 26 de agosto de 2003. Os parâmetros físico-químicos analisados e seus respectivos valores foram: pH (A: 3,4733±0,01; B: 3,7367±0,02; C: 3,7000±0,02), turbidez (A: 67,4000±1,24 NTU; B: 87,4000±0,91 NTU; C: 28,8333 NTU), sólidos solúveis totais °Brix (A: 78,1333±0,31; B: 78,6333±0,82; C: 78,7667±0,05), acidez (A: 37,1371±0,94 meq/kg; B: 21,8844±2,15 meq/kg; C: 36,4740±2,04 meq/kg), condutividade elétrica (A: 6,4933x10-4 S.cm-1; B: 5,6767 x10-4 S.cm-1; C: 4,5067x10-4 S.cm-1), cinzas (A: 0,4503±0,04 g/100g; B: 1,2136±0,04 g/100g; C: 0,4841±0 g/100g), umidade (A: 20,2667±0,25 g/100g; B: 19,8000±0,91 g/100g; C: 19,6667±0,09 g/100g) e sólidos insolúveis. (A: 0,0065±0,0005 g/100g; B: 0,0375±0,0058 g/100g; C: 0,0382±0,0078 g/100g). Os parâmetros microbiológicos analisados e seus respectivos valores foram: coliformes totais (<3 NMP/g), coliformes termotolerantes (<3 NMP/g) e salmonelas (ausente em 25 g). Esses valores condizem com o padrão de segurança alimentar, logo o mel vendido na AGROUFAM é seguro para consumo humano.

Palavras-chave

qualidade, amazonas, mel

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.