A LITERATURA DO ABSURDO DE ALBERT CAMUS REPRESENTADO NA FOTOGRAFIA

Code: 230914325
3
0
Título

A LITERATURA DO ABSURDO DE ALBERT CAMUS REPRESENTADO NA FOTOGRAFIA

Autor(a):
  • Thales Oliveira

    Oliveira, Thales do Rosário de

DOI
10.37885/230914325
Publicado em

04/01/2024

Páginas

8-16

Capítulo

1

Resumo

Este presente trabalho pretende investigar como a fotografia é preponderante para as reflexões sobre o absurdo e a revolta e no pensamento filosófico e literário de Albert Camus. Para o autor, a fotografia fornece ocasião para a reflexão e não se separa desta, uma vez que o pensamento por fotografia configura-se como reflexão filosófica. Sendo assim, pode-se dizer que Camus sugere à filosofia e a narrativa literária, propondo ao filósofo uma recusa à mera construção de sistemas conceituais que, no limite, apartam pensamento e experiência. Para Camus, tal filosofia se configura por meio da imagem, conduzindo a uma reflexão lúcida sobre a existência humana.

Palavras-chave

Albert Camus, representação literária, fotografia, literatura e outras artes.

Autor(a) Correspondente
Licença

Este capítulo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

O conteúdo do capítulo e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.