SISTEMAS INTEGRADOS DE PRODUÇÃO: PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIAS

Code: 180-253
Downloads
203
Views
407
Compartilhe
Título

SISTEMAS INTEGRADOS DE PRODUÇÃO: PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIAS

ISBN

978-65-5360-019-5

DOI
  • DOI
  • 10.37885/978-65-5360-019-5
    Publicado em

    10/11/2021

    Páginas Capítulos Volume Edição

    15

    1

    1

    Organizadores:
    • Fabricio Gomes Gonçalves

      Fabricio Gomes Gonçalves

    • Marcos Vinicius Winckler Caldeira

      Marcos Vinicius Winckler Caldeira

    • Gilson Fernandes da Silva

      Gilson Fernandes da Silva

    • Gustavo Soares de Souza

      Gustavo Soares de Souza

    Apresentação

    A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes) tem a honra em apresentar o E-Book “Sistemas Integrados de Produção: Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias”, que é fruto dos resultados dos projetos executados no âmbito de quatro redes de pesquisa: i) Integração de Resíduos Madeireiros: Inovação, Pesquisa, Extensão e Gestão Ambiental; ii) Rede Árvores (bio) Nativas da Floresta Atlântica; iii) Rede Sistemas Silvipastoris como Estratégia de Produção para o Pequeno Produtor Rural Capixaba; e iv) Manejo & Sustentabilidade: Conservação e Uso Racional dos Recursos Naturais para o Desenvolvimento da Agricultura Capixaba. As pesquisas foram realizadas a partir da aprovação de projetos em rede no Edital Pesquisa Aplicada a Políticas Públicas Estaduais: Agropecuária no estado do Espírito Santo (PPE-AGRO) por meio de uma parceria entre Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes). Foram disponibilizados R$ 10.700,00 (dez milhões e setecentos mil reais) para a execução de 90 (noventa) importantes projetos de pesquisa em áreas estratégicas para o desenvolvimento do Estado em busca de crescimento regional a partir do desenvolvimento social e econômico com sustentabilidade. O livro possui quize capítulos com informações de quatro Redes de pesquisa, com participação e integração de pesquisadores de instituições públicas e privadas existentes no estado do Espírito Santo. Tais projetos buscam soluções inovadoras para mitigação dos efeitos climáticos adversos que o País e o estado do Espírito Santo vêm enfrentando nos últimos anos em especial nas áreas de fruticultura; cafeicultura; produção animal; silvicultura e sistemas integrados de produção; resíduos florestais e madeireiros; recursos hídricos e edáficos; agroecologia; agricultura orgânica e agricultura de baixo carbono. O Brasil é referência mundial quando o assunto é silvicultura. O país tem condições edafoclimáticas excepcionais, ótimos materiais genéticos e tecnologias de produção avançadas. Em agropecuária nos últimos 40 anos, o Brasil saiu da condição de importador de alimentos para se tornar um grande provedor para o mundo. Foram conquistados aumentos significativos na produção e na produtividade. O Brasil se tornou um dos principais atores do agronegócio mundial. Hoje, se produz mais em cada hectare de terra, aspecto importantíssimo para a preservação dos recursos naturais. A agricultura e a silvicultura se modernizaram, mas ainda existem desafios. Há grande concentração de riqueza em pequena parcela de propriedades rurais, existem milhões de hectares de solos e pastagens degradados, há grande ineficiência no uso de água na irrigação, e o uso inadequado de agroquímicos oferece riscos à saúde e ao meio ambiente, entre outros problemas. Portanto, os investimentos no fomento à ciência, tecnologia e inovação nas áreas de Agrociências se justificam, já que interferem diretamente nos Agronegócios do Brasil e do Estado. O agronegócio no Espírito Santo absorve 33% da população economicamente ativa e é responsável por 30% do PIB Estadual, sendo a atividade econômica mais importante em 80% dos municípios capixabas. Por isso o setor busca incessante desenvolvimento para otimizar essa atividade econômica importante na geração de emprego e renda para todo o Estado. Esse E-book traz importantes contribuições, soluções, e, os resultados obtidos podem servir de subsídios para elaboração de políticas públicas voltadas aos produtores rurais e aos empresários, visando melhorias nos sistemas produtivos, agregando renda e promovendo justiça social. Foi com muita satisfação e sentimento de dever cumprido com a sociedade Capixaba que a Fapes participou dessa parceria com a Seag, tendo a certeza da grande contribuição no desenvolvimento científico, tecnológico e na inovação que os pesquisadores envolvidos nos projetos realizaram.

    Ler mais...
    Licença

    Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

    Licença Creative Commons

    O conteúdo dos capítulos e seus dados e sua forma, correção e confiabilidade, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). É permitido o download e compartilhamento desde que pela origem e no formato Acesso Livre (Open Access), com os créditos e citação atribuídos ao(s) respectivo(s) autor(es). Não é permitido: alteração de nenhuma forma, catalogação em plataformas de acesso restrito e utilização para fins comerciais. O(s) autor(es) mantêm os direitos autorais do texto.

    15 Capítulos

    Capítulo 1
    Capítulo 2
    Capítulo 3
    Capítulo 4
    Capítulo 5
    Capítulo 6
    Capítulo 7
    Capítulo 8
    Capítulo 9
    Capítulo 10
    Capítulo 11
    Capítulo 12
    Capítulo 13
    Capítulo 14
    Capítulo 15

    Este site utiliza cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Ao continuar você concorda com a nossa política de utilização de cookies.

    Continuar